Conferência: Proteção de Adultos Vulneráveis na Europa - O Caminho a Seguir

Publicado .

No seguimento das prioridades definidas para a Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia, o Ministério da Justiça, com o apoio da Comissão Europeia e da Agência dos Direitos Fundamentais da União Europeia (FRA), vai realizar no próximo dia 30 de março, em formato virtual, uma Conferência de Alto Nível subordinada ao tema "A Proteção de Adultos Vulneráveis na Europa - o Caminho a Seguir".

Pessoas com deficiências ou insuficiências nas suas capacidades pessoais e vítimas de crimes de ódio ou de violência de género estão entre aqueles adultos que podem enfrentar desafios específicos no exercício dos seus direitos, na defesa de seus interesses e no acesso à Justiça em processos cíveis e penais.

A Conferência oferece uma oportunidade para refletir sobre a situação atual e antecipar as medidas necessárias para garantir que todos os cidadãos europeus possam usufruir dos seus direitos fundamentais, incluindo, na prática, a igualdade de acesso à Justiça. Este evento contará com a presença de várias individualidades de relevo na área da Justiça e dos Direitos Fundamentais.

O Presidente da APAV, João Lázaro, irá participar no painel "Desafios na proteção das vítimas vulneráveis e na promoção da sua participação no processo penal - construção de pontes através da Estratégia das Vítimas".

programa da Conferência está disponível online.

Para efetuar a sua inscrição aceda ao link https://participants.ppue2021.pt

Tema dedicado às vítimas de violência

Publicado .

O cantor português de música latina Luis Gomez lança o novo single ‘Trata-a Bem’ (2021, Editora Espacial), retirado do álbum ‘Intenso’, um tema dedicado a todos os que sofrem ou partiram fruto de violência doméstica.

A totalidade das receitas do novo single romântico do artista de Vila Real de Santo António reverterão para a APAV, para o seu trabalho diário de prevenção, apoio e proteção na luta contra a violência doméstica.

Webinar: “COVID 19 e Igualdade de Género: Investigação sobe os Impactos da Pandemia e Contributos para as Políticas Públicas”

Publicado .


Fotos: Sónia Caridade

O Webinar: “COVID 19 e Igualdade de Género: Investigação sobe os Impactos da Pandemia e Contributos para as Políticas Públicas”, GENDER RESARCH 4 COVID-19, realizou-se nos 23 e 24 de Março.

No dia 23, Cristina Soeiro (Vice-Presidente da APAV) apresentou a comunicação com alguns do resultados preliminares sobre o Projeto Violência contra as Mulheres e Violência Doméstica (VMVD) em Tempos de Pandemia: caracterização, desafios e oportunidades no apoio à distância (AaD). Este projeto é coordenado pela APAV e conta com a parceria de investigadores/as da Egas Moniz - Cooperativa de Ensino Superior (Instituto Universitário Egas Moniz) e da Universidade Fernando Pessoa - Centro Interdisciplinar de Estudos de Género (CIEG). Muito brevemente o paper estará finalizado e apresentado publicamente.

INOEH apoio a APAV

Publicado .

A INOEH, empresa portuguesa criadora da marca de cosméticos e decoração de unhas INOCOS, lança a nova coleção 'O Amor é Amor', com parte das receitas da venda dos novos produtos a reverter a favor da APAV.

A coleção é composta por seis cores de verniz gel, dois glitters soltos e dois perfumes unhas e cutículas.

Descubra a Colecção INOCOS 'O Amor é Amor' aqui.

163859933 4599318396749882 2049795738363595513 o163897871 4599321066749615 6985037016263203876 o
164103741 4599321430082912 7017837457941337905 o164502249 4599321716749550 9145753907218585327 o

Dia Internacional para a Eliminação da Discriminação Racial

Publicado .

No Dia Internacional para a Eliminação da Discriminação Racial relembramos que o racismo, a xenofobia e formas de violência discriminatória motivadas por preconceito e ódio são ainda uma realidade com a qual vivemos e contra a qual continua a ser necessário lutar. 

As pessoas alvo de discriminação pertencem ou são percebidas como pertencendo a determinados grupos ou comunidades que também são historicamente sujeitos a exclusão e marginalização. 

Pessoas negras/afrodescendentes, de etnia cigana, não-brancas, migrantes e refugiadas ou de minorias religiosas e culturais são as principais vítimas de discriminação racial em Portugal. 

As práticas discriminatórias têm um impacto individual e coletivo negativo e afetam o desenvolvimento psicossocial das vítimas, ao comprometerem direitos e liberdades fundamentais.

A APAV presta apoio especializado às vítimas de discriminação racial ou étnica. Estamos disponíveis através do 116 006, da Unidade de Apoio à Vítima Migrante e de Discriminação e dos Gabinetes de Apoio à Vítima.